Estudos

Ano de vestibular: como se preparar desde a inscrição até o dia D?

clique na imagem para se inscrever

Clique na imagem para se inscrever!!

Após muito estudo no Ensino Fundamental e Médio, chegou o ano de vestibular! Para muitos, um período que requer bastante dedicação e esforço, pois, a concorrência costuma ser grande para conquistar uma vaga no curso dos sonhos.

É neste momento, também, que muitos estudantes ficam receosos e perdidos sobre o que deve ser feito. Mas não encare o vestibular como um bicho de sete de cabeças ou uma missão impossível. Quem se planeja, traça metas e segue um cronograma de estudos adequado, tem bastante chance de alcançar a aprovação.

Foi pensando em você que decidimos criar este post. Nele, vamos esclarecer algumas das principais dúvidas que podem surgir em sua cabeça ao longo do ano. Contemplaremos desde o momento da inscrição do vestibular até o dia D, em que você vai fazer a prova. Além disso, compartilharemos algumas dicas para se organizar e, também, potencializar o seu estudo.

Preparado? Então, leia com atenção este conteúdo e dê início à sua jornada de preparação para o vestibular!

Tome cuidado e preste atenção na hora da inscrição no vestibular

A inscrição para o vestibular deve ser feita atentamente, visando que erros não sejam cometidos. Para auxiliar o estudante, algumas instituições disponibilizam, além do Edital, um Manual do Candidato, que costuma ter orientações e respostas para as principais dúvidas que podem surgir ao longo do processo.

Confira o edital

O Edital é o documento emitido pela universidade para definir os principais aspectos do exame, como data, cursos contemplados, regras, forma de avaliação, tipo de prova aplicada, valor da taxa e prazo de pagamento, matérias cobradas, funcionamento da lista de aprovados e de espera, entre outros dados relevantes.

Consta também no Edital, os materiais que podem ser utilizados durante a prova e quais documentos devem ser apresentados no local do exame. Imagine se, por um acaso, você leva uma caneta esferográfica preta, mas apenas poderia usar a azul? Seria desclassificado porque não prestou atenção nos detalhes informados no documento.

Leia o Manual do Candidato

Esse é um material que costuma apresentar informações sobre a instituição e os cursos que são oferecidos. É ideal que seja feita uma leitura atenta para ter certeza de que a universidade e o curso escolhidos são os mais adequados para você!

Avalie todas as informações com atenção

Durante a inscrição, certifique-se de que está preenchendo todas as informações requeridas corretamente. Veja se a grafia do seu nome está correta, se os documentos foram preenchidos acertadamente, se selecionou o curso e o turno indicados, se vai optar pela nota do ENEM ou se vai realizar o vestibular da instituição etc.

Confira se há a possibilidade de vestibular agendado

Algumas instituições de ensino permitem a possibilidade de vestibular agendado. Nesses casos, o estudante entra em contato com a instituição de ensino e escolhe a data que melhor lhe convém. Geralmente, as vagas ofertadas são as que estão em aberto após o vestibular tradicional.

Faça um CPF

Pode ser que o CPF seja um dos documentos cobrados durante a inscrição do vestibular. Portanto, faça os procedimentos necessários para obter o seu o quanto antes. Assim, não corre o risco de não conseguir se inscrever por falta do documento.

Veja como planejar os estudos em ano de vestibular

Vamos, agora, para a parte mais prática do seu ano de vestibular. Neste tópico, nossa intenção é ajudá-lo a se planejar e, assim, ser capaz de criar uma rotina de estudos eficiente e produtiva.

Estabeleça um ambiente de estudo

Primeiramente, você deve estabelecer qual vai ser o seu local de estudo ao longo deste ano. É imprescindível que seja um espaço silencioso, com o mobiliário adequado e confortável para as horas de estudo. Ele também deve ser bem iluminado e ter todos os materiais que vão ser necessários, como livros, cadernos, canetas, notebook, calculadoras.

Desse modo, você não precisa ficar saindo de onde está toda vez que precisar de algo e correr o risco de perder a linha de raciocínio. Invista em todas as estratégias que contribuam para a sua concentração.

Faça um cronograma de estudos

Depois de definir o espaço de estudo, chega o momento de fazer um cronograma. Nele, você vai adicionar todas as suas atividades diárias, como aula, cursinho, cursos extracurriculares. Nos espaços livres, você deve preenchê-los com momentos de estudo e, também, de descanso — você vai ver, ao longo deste post, que pausas são importantes e necessárias para ter um bom rendimento.

Tente aliar o seu horário de aula com o seu cronograma. Por exemplo, caso você tenha geografia, português e matemática na escola na terça, aproveite para reforçar o estudo dessas disciplinas na segunda. Assim, caso tenha alguma dúvida, pode apresentá-la ao professor indicado.

Procure dedicar, pelo menos a princípio, um tempo maior às matérias que tenha mais dúvidas. Isso não quer dizer que você precise deixar de lado aquelas que tenha maior habilidade, mas o seu foco deve ser aprimorar os conteúdos que ainda demandam maior atenção.

Se a sua maior dificuldade está em matemática, determine mais horários de estudos para essa matéria em seu cronograma.

Programe estudos em grupo

Aproveite que os seus amigos estão no mesmo barco que você e combine grupos de estudo. Certamente, cada um tem uma habilidade maior em diferentes matérias. Assim, cada hora vai ser um que pode guiar os estudos e auxiliar na resolução de exercícios.

Pratique a redação

Você já deve estar ciente de que é preciso muita prática para ir bem na redação de vestibular. Portanto, para ganhar a nota total nesse texto, faça pelo menos uma redação por semana. Siga as regras que são cobradas pelos principais vestibulares, como gêneros textuais, número de folhas, escrever a caneta e sem rasuras etc.

Além disso, varie o tema a cada semana. Desse modo, você aumenta as chances de exercitar os seus conhecimentos sobre um assunto que pode ser cobrado no vestibular.

Exercite, também, diferentes pontos de vista sobre um mesmo assunto. Assim, caso você seja desafiado pelo enunciado da questão a ter um posicionamento diferente, já estará preparado para desenvolver uma argumentação condizente e bem embasada.

Invista em leituras sobre temas da atualidade

Quanto mais informação você tiver acesso em ano de vestibular, melhor! Por conta disso, é preciso que você leia jornais, revistas e sites de notícias, veja o noticiário com certa periodicidade e confira outros meios para se manter atualizado sobre o que acontece no mundo.

É muito comum que o candidato tenha que desenvolver uma redação sobre um assunto que foi bastante discutido recentemente e que esteja em voga. Ou seja, todo cuidado é pouco nesse momento!

Considere a possibilidade de fazer um cursinho preparatório

Se você está sentindo que a carga de estudo está muito pesada para se preparar sozinho para o vestibular, não hesite em fazer um cursinho. Talvez esse reforço extra seja necessário para impulsionar a sua rotina de estudos e auxiliá-lo a alcançar a aprovação.

6 dicas para manter o foco ao estudar para o vestibular

Nós sabemos muito que dedicação e determinação são necessárias ao estudar para o vestibular.

1. Aposte em técnicas diferentes de estudo

Cada pessoa apresenta um perfil de aprendizado diferente e isso influencia no meio que vai propiciar resultados melhores. Abaixo, listamos algumas possibilidades que você pode adotar em sua rotina de estudos.

Faça resumo das matérias

Uma forma muito utilizada por quem está se preparando para uma prova importante é o resumo. Após a leitura de determinado material, faça um resumo da matéria e escreva todas as informações que você julga interessante.

 

O resumo pode ser muito útil na hora de revisar algum tema ou se tiver alguma dúvida específica.

Realize exercícios

É durante a realização dos exercícios que o estudante pode verificar se está realmente entendendo a matéria. Portanto, determine um momento do seu estudo para realizar atividades.

Resolva provas de anos anteriores

Assim como a resolução dos exercícios, fazer as provas de anos anteriores não só ajuda a ter ciência sobre o que pode cair como, também, a forma que as matérias são cobradas nas questões.

Anote os conteúdos

Algumas pessoas conseguem absorver com maior capacidade os conteúdos ao fazerem anotações, seja durante uma aula expositiva ou enquanto lê a matéria. Verifique se essa é uma boa estratégia para você.

Desenvolva a sua memória

Você já pensou em desenvolver táticas de memorização para vestibular? Saiba que existem algumas táticas que ativam áreas específicas do cérebro, de modo a potencializar os seus resultados e a facilitar a memorização dos conteúdos.

Algumas pessoas, por exemplo, apresentam maior facilidade em memorizar conteúdos após escutar áudios, enquanto outras precisam ver imagens para apreenderem o assunto com maior facilidade.

Use mapas mentais

O mapa mental é uma técnica bastante interessante para quem está em fase de estudo. Por meio de diagramas, você usa palavras-chave para definir temas diferentes e criar redes de assuntos — explicamos melhor neste post como os mapas mentais funcionam.

2. Tenha boas noites de sono

Não é segredo para ninguém que noites mal dormidas não são nada benéficas, certo? Imagine, então, para um estudando que está se preparando para o vestibular? O resultado só pode ser falta de ânimo, sono durante o dia, enquanto deveria estar estudante, baixo rendimento, perda de atenção e foco… A lista de malefícios seria enorme se continuássemos.

Devido a isso, é essencial que você invista em táticas que contribuam para uma boa noite de sono, como não utilizar aparelhos eletrônicos na hora de dormir, parar de estudar cerca de duas horas antes de ir se deitar e não ingerir alimentos ou bebidas que contenham cafeína.

3. Evite distrações

Se você tem um objetivo, é claro que não quer que nada atrapalhe que ele seja alcançado, não é mesmo? Então, nada mais justo do que afastar qualquer distração durante o seu momento de estudo.

Primeiramente, o celular deve ser mantido longe ou no modo avião, para que as diversas notificações do WhatsApp ou das redes sociais tirem o seu foco do que está sendo estudado. Além disso, nada de ligar a televisão ou deixar uma série da Netflix passando enquanto lê algum conteúdo, pois isso pode distraí-lo.

Se a sua casa for movimentada, procure conversar com os membros da família e explicar a sua situação. Em último caso, fique em seu ambiente de estudos e evite conversas. Você pode utilizar um fone de ouvido e escutar sons da natureza ou músicas instrumentais. Alguns estudos afirmam, por sinal, que ouvir música enquanto estuda é um hábito que pode potencializar o aprendizado.

4. Faça atividades físicas com regularidade

Outra estratégia que vai contribuir de maneira efetiva para aumentar o seu foco nos estudos é a prática regular de atividades físicas.

Para você ter noção da relevância dos exercícios físicos, um estudo afirma que, quem os realiza com certa frequência, é capaz de melhorar o desempenho escolar.

Além disso, outras vantagens são obtidas, como melhora do humor, resistência física, energia e disposição etc.

5. Invista em uma alimentação saudável e cuide da saúde

Além das atividades físicas, uma alimentação balanceada e saudável é capaz de estimular o raciocínio e a memória. Portanto, é preciso ser estratégico até na hora das refeições, de modo a intensificar qualquer aspecto da sua vida que tenha relevância durante o ano de vestibular.

6. Tenha momentos de folga

Sim, você não leu errado. Os momentos de folga também são necessários para quem está com uma rotina de estudos intensa.

Se você não faz mais nada além de estudar, pode acabar exausto e com uma estafa mental. Portanto, como já comentamos no tópico sobre o cronograma de estudos, é preciso estabelecer horários de pausa e para se alimentar.

Você se conhece melhor do que ninguém e vai perceber quando o seu organismo começar a dar sinais de cansaço. Nossa dica é que você observe o seu ritmo e defina qual é a melhor estratégia a ser adotada.

Há quem faça pausas de 30 minutos a cada duas horas de estudo, por exemplo. O importante é dedicar um momento para descansar o cérebro e fazer alguma atividade que o entretenha.

Saiba o que fazer quando a prova de vestibular estiver chegando

Não é preciso desesperar ou ficar ansioso quando a tão temida prova do vestibular for se aproximando. Cerca de quatro meses antes do exame, verifique o seu cronograma de estudo e avalie se ele tem sido produtivo. Veja se é necessário fazer alguma alteração, de modo a reforçar o aprendizado em algum aspecto específico.

Observe, também, se ainda está faltando alguma matéria a ser contemplada e que é preciso estudar para o vestibular, para que o estudo não seja feito com pressa ou de qualquer jeito. O ideal, neste período, é que você já esteja preparado para dar maior enfoque na revisão das matérias que apresenta dificuldade.

Além disso, fazer pelo menos uma redação por semana ainda é uma prática bastante válida para, quando chegar a hora, você ter uma escrita impecável e condizente com o que vai ser cobrado.

Durante esse período, continue fazendo atividades físicas, pois, por liberarem substâncias no organismo que contribuem para a sensação de relaxamento, aumento do desempenho, bem-estar e ainda melhoram a qualidade do seu sono.

Uma dica que também pode ser colocada em prática durante essa época de maior estresse é praticar a meditação. Assim como as atividades físicas, a meditação reduz o estresse e a ansiedade, reduz a frequência cardíaca e ainda controla a pressão arterial.

Caso você nunca tenha feito isso, tenha em mente que tudo é questão de hábito e que essa atividade é bastante simples. Basta escolher um local silencioso e confortável para se sentar. Feche os olhos e, antes de iniciar, pense no seu objetivo, ou seja, passar no vestibular.

Agora, por cerca de dois minutos, você vai focar toda a sua atenção na sua respiração, inspirando e expirando com calma. Se achar necessário, você pode contar com o auxílio de um aplicativo, que não só vai guiá-lo como avisar quando encerrar a meditação. O ideal é que, com a prática, você vá aumentando o tempo dedicado a essa atividade.

Além das atividades físicas, não se esqueça de manter as leituras sobre as atualidades. É imprescindível estar ciente sobre o que está acontecendo no mundo, pois, desse modo, você se sentirá mais embasado para desenvolver qualquer linha de raciocínio.

Certifique-se, também, de já ter lido todas as obras que serão cobradas nos vestibulares que você vai tentar. Nada de deixar a leitura para última hora ou de ler apenas o resumo, ok?

O que fazer na véspera e no dia da prova de vestibular?

Chegou o momento que você vem se preparando durante todo o ano! Agora, toda a sua dedicação será recompensada durante a prova, pois você se dedicou bastante para obter um resultado excelente!

Véspera da prova

Na véspera da prova, deixe o estudo de lado e invista em uma atividade tranquila e que o entretenha, para que o nervosismo seja deixado de lado. Veja um filme com a família, leia um livro ou vá dar um passeio com o seu cachorro. Pense em uma atividade que seja simples, mas que, ao mesmo tempo, vá te proporcionar bons momentos.

Invista em uma boa noite de sono para acordar no dia seguinte com as energias renovadas para essa data tão importante! Se você for do tipo de pessoa que gosta de chá, pode tomar um de camomila ou com folhas de valeriana ou melissa, que ajudam a acalmar e a dormir melhor.

Dia da prova

No dia da prova, para garantir que tudo corra bem, é indicado seguir um breve cronograma. Abaixo, listamos algumas orientações que você pode seguir:

Alimente-se adequadamente

Para não ficar com sono ou indisposto durante a prova — você não quer interromper o seu raciocínio para ir ao banheiro, certo? —, escolha com sabedoria o que vai comer antes de ir para o local do exame. No café da manhã, prefira frutas e alimentos integrais.

Já se der tempo para almoçar, prefira alimentos leves e de fácil digestão, como salada e carnes brancas. Você precisa preencher o estômago, para não ir com ele vazio, mas nada de comer massas pesadas e alimentos gordurosos, que podem prejudicar o seu desempenho.

Se possível, evite consumir alimentos muito açucarados, pois eles podem afetar a sua capacidade de concentração e deixá-lo agitado.

Separe o que vai levar para o local do exame

Assim que acordar, separe tudo o que for necessário levar ao local do exame. Para realizar a prova, vai ser preciso:

  • pelo menos dois lápis;

  • apontador;

  • duas borrachas;

  • duas canetas (conferir as cores indicadas no edital da prova);

  • documentos para identificação — geralmente o RG ou CPF.

Algumas pessoas costumam levar um lanche e uma garrafa de água para repor a energia. Nossa sugestão é que você opte por um alimento que seja rico em proteína e carboidrato, como um pão de forma integral com presunto e queijo ou uma fruta.

Lembre-se de que alimentos ricos em açúcar, como balas e chocolates, podem proporcionar o efeito contrário ao esperado.

Chegue com antecedência

Você não quer ser conhecido como uma pessoa que se prepara o ano inteiro, mas não consegue fazer a prova, pois chegou atrasado ao local do exame, não é mesmo?

Portanto, se prepare para sair da sua casa com antecedência — quanto mais longe você morar do local em que vai ser realizada a prova, mais cedo deve ir. É preciso chegar pelo menos uma hora antes de fecharem os portões. Dessa forma, caso aconteça algum imprevisto, você vai ter tempo hábil para lidar com a situação.

Defina, também, o meio de transporte que você vai utilizar. Caso vá de transporte público, pode ser que gaste um tempo maior do que se os seus pais forem levá-lo, ou se preferir ir de táxi, ou com algum aplicativo de transporte.

Agora é hora de esperar o resultado

Pronto! Agora é o momento de ficar com a sensação de dever cumprido! Pelo menos até sair o resultado, tente não ficar o tempo todo pensando nele. Mesmo se você estiver com a sensação de que ainda não foi dessa vez que deu para passar no vestibular, procure tirar esse pensamento da cabeça.

Aproveite esse momento de pausa para relaxar e sair com os amigos, coisa que, talvez, você tenha feito bem pouco durante esse ano de preparação.

Nesse momento, temos que pensar em duas coisas. Caso a universidade que você está tentando tenha segunda etapa, é importante continuar estudando e lendo os resumos que foram feitos. Assim, caso seja aprovado, você não perdeu um tempo precioso.

Já se o vestibular tiver apenas uma etapa e o resultado for negativo, nada de desanimar, ok? Dê uma pausa, tire umas férias merecidas e, assim que passar o Natal e o Ano-Novo, retome com força total os estudos!

Esperamos que com a leitura deste material você se sinta preparado para colocar as nossas orientações em prática e que seja capaz de se dedicar ao ano de vestibular para conseguir a tão sonhada aprovação no curso dos seus sonhos.

Está em ano de vestibular e não quer perder nenhuma das dicas de estudo para o vestibular que compartilhamos? Então, assine a newsletter do blog da Faro e receba em sua caixa de e-mail as nossas postagens!

Sobre o autor

Faculdade de Rondônia

Share This