Estudos

6 habilidades que você precisa ter para se dar bem na faculdade

 

Muitos jovens que estão no fim do ensino médio se preocupam sobre como se dar bem na faculdade. Como você já deve imaginar, uma graduação envolve responsabilidades por parte do estudante que nem sempre existem na educação básica.

Quando ingressa no ensino superior, o aluno já passa a assumir decisões sobre o próprio futuro, uma vez que se prepara para ter uma profissão. Assim, é comum que se preocupe com o desempenho na faculdade, para poder se diferenciar no mercado de trabalho e aumentar as chances de construir uma carreira de sucesso.

Se você também tem esses objetivos, aprenda a desenvolver as seis habilidades citadas a seguir para se dar bem na faculdade. Confira!

1. Comunicação eficaz

Atualmente, vivemos na chamada Era da Informação, em que bilhões de dados circulam todos os dias pela internet. Ainda assim, não são todas as pessoas que sabem se posicionar nesse emaranhado de conhecimento.

Por esse motivo, desenvolver a habilidade de comunicação é um requisito fundamental para o graduado que quer ter êxito na carreira. Nesse sentido, incluem-se as capacidades de escrita, leitura, fala e interpretação.

Da elaboração e da apresentação de um trabalho acadêmico ao relacionamento com colegas e professores, a habilidade de comunicação pode ser um diferencial para o estudante se dar bem na faculdade.

Perceba que tal característica nem sempre é algo que nasce com a pessoa, logo, ela pode ser desenvolvida por meio de cursos e treinamentos. Por exemplo, tanto para escrever quanto para falar bem, são necessárias técnicas apropriadas. Assim, se você sente que necessita evoluir nessa área, não deixe de buscar uma qualificação específica.

2. Trabalho em equipe

Durante uma graduação, é comum que o aluno tenha que fazer atividades em grupo, e cada integrante deve ter participação ativa na obtenção dos resultados de que toda a equipe precisa.

Nesse sentido, o estudante tem que se responsabilizar pela parte que lhe cabe nos trabalhos, além de saber interagir com os demais colegas, de modo a favorecer a sinergia entre os membros. Dessa forma, o todo passa a ser maior do que a soma das partes, já que cada um pode também contribuir para a melhoria das tarefas de outro.

Além de ser uma atividade voltada para o ensino, o trabalho em equipe feito na faculdade serve ainda como experiência para a atuação profissional, uma vez que o aluno pode vivenciar situações de debate, conflito, coordenação, delegação, confraternização etc.

Por exemplo, quando se vai realizar um trabalho em equipe, é normal que o grupo se reúna para decidir quem vai assumir cada responsabilidade, além de discutir as melhores estratégias para cumprir o que foi pedido pelo professor. Assim, os jovens podem desenvolver as habilidades de liderança, conciliação, decisão, entre outras.

3. Poder de concentração

O poder de concentração é uma das habilidades essenciais para se dar bem na faculdade, onde o estudante precisará fazer muitas leituras para ter o desempenho necessário para ser aprovado nas disciplinas.

Hoje em dia, com tantos apelos sonoros e visuais, como televisão, celular, computador etc., facilmente a pessoa pode se distrair e deixar de lado as tarefas que dizem respeito à graduação.

O poder de concentração também é muito importante durante a participação nas aulas, para que o estudante consiga captar o conhecimento transmitido pelos professores.

4. Pensamento crítico

À medida que o aluno avança em termos de níveis educacionais, espera-se dele uma postura mais madura em relação a determinados assuntos. Dessa maneira, o pensamento crítico é uma habilidade requisitada não só para se dar bem na faculdade, como também para ter sucesso no mercado de trabalho.

Nesse contexto, pode-se entender criticidade como a capacidade de fugir do chamado “senso comum”, o qual se baseia, muitas vezes, em ditados populares ou saberes não científicos.

Dessa forma, o aluno crítico não é aquele que avalia negativamente tudo o que vê, mas sim o que tem a habilidade de identificar os diferentes pontos de vista de uma situação e, com base nisso, formar o próprio juízo de valor.

Como você pode perceber, o pensamento crítico evita que o estudante acredite em preconceitos, buscando as causas de determinados fenômenos.

5. Disciplina e foco

No ensino médio, o jovem geralmente ainda vive bastante dependente dos pais. Logo, é comum que não assuma certas responsabilidades, como pagamento de contas e tarefas domésticas.

Entretanto, depois de entrar na faculdade, o aluno passa a ter cada vez mais compromissos, como os da graduação, do estágio, do trabalho etc. Diante dos desafios que surgem no caminho, ele pode se sentir desmotivado em função das dificuldades de uma agenda cheia.

Por isso, é indispensável que desenvolva a disciplina para cumprir as atividades e tenha foco para não perder tempo com assuntos sem relevância no que diz respeito a se dar bem na faculdade.

6. Adaptação a situações adversas

A sociedade vive em constante transformação. Nesse sentido, pode ocorrer de, ao longo do período de faculdade, o estudante se deparar com a necessidade de aprender novos conhecimentos. Afinal, em quatro ou cinco anos, muitas mudanças podem acontecer em qualquer área científica.

Por esse motivo, o aluno precisa ter capacidade de adaptação para superar eventuais situações adversas. Nesse sentido, é muito útil que ele desenvolva a resiliência. Assim, poderá agir conforme as necessidades do percurso na faculdade — por exemplo, ora terá que dedicar mais tempo para realizar as provas, ora poderá ter um ritmo mais lento no estudo.

Como você pode notar, para ter sucesso durante a graduação, é preciso desenvolver várias habilidades. Se você ainda não as têm, não é hora de se preocupar, pois elas podem ser desenvolvidas ao longo dos estudos. Saiba que, em grande parte dos casos, o êxito na graduação não vem de uma aptidão natural do aluno para o curso, mas sim do esforço dele em cumprir as metas que se propôs a cumprir.

Gostou de saber sobre essas seis habilidades para se dar bem na faculdade? Quer receber mais conteúdos para ter uma graduação de sucesso? Assine, então, a nossa newsletter e não perca as próximas novidades!

 

Deixar comentário.

Share This
0