Carreiras

Investimentos para universitários: conheça os 5 melhores

investimentos-para-universitarios-conheca-os-5-melhores.jpeg

Para os que desejam fazer uma faculdade, é necessário conhecer o mercado de trabalho e as melhores alternativas de qualificação profissional. Por isso, é importante conhecer boas opções de investimentos para universitários.

Atualmente, dominar mais de um idioma, fazer uma pós-graduação e obter certificações são diferenciais muito valorizados pelas empresas. Para gerenciar o orçamento com inteligência e crescer profissionalmente, é crucial administrar bem as finanças para evitar dívidas que possam comprometer o seu futuro.

Pensado nisso, vamos apresentar 5 alternativas que podem ser usadas pelos universitários para ter bons resultados com as aplicações financeiras. Confira:

1. Poupança

Quem nunca ouviu falar dessa modalidade de investimento? Ideal para os que têm um perfil mais conservador, a poupança tem como um dos principais benefícios não gerar dificuldades para o investidor retirar o dinheiro. Isso porque não possui taxas administrativas para os correntistas.

O estudante também pode fazer vários depósitos por mês, sem ter nenhum tipo de restrição. Outra vantagem é que não há limite para o valor a ser investido, ou seja, a pessoa pode ter a quantia que desejar.

Embora tenha baixos rendimentos mensais, a poupança se destaca por oferecer uma maior segurança aos investidores, pois a aplicação não tem redução de valor devido às oscilações do mercado financeiro.

Se você já está pensando em fazer um intercâmbio ou montar o próprio negócio, uma boa alternativa é colocar o dinheiro na poupança.

2. Mercado de ações

Será que vale a pena investir na bolsa de valores? Muitos ficam preocupados só de pensar na possibilidade de não ter o retorno esperado com esse investimento. Contudo, é possível obter excelentes resultados, desde que haja um grande conhecimento das tendências do mercado.

Mas será que um universitário tem tempo e disposição para compreender o que se passa no mercado de ações? Na maioria dos casos, é complicado um estudante conciliar a rotina da faculdade com uma análise sensata e exata do funcionamento das bolsas de valores.

Para os que desejam investir nessa aplicação, é interessante buscar o auxílio de corretoras de investimentos. Elas possuem profissionais qualificados que podem mostrar as melhores alternativas para ter sucesso no mercado de ações, de acordo com perfil dos clientes.

Se você não quer entrar em contato com uma corretora, é possível pesquisar na internet várias informações sobre como investir na bolsa de valores. É fácil encontrar vídeos, e-books e matérias com dicas para ganhar dinheiro com ações.

3. Tesouro Direto

Considerada uma boa opção para os universitários, o Tesouro Direto tem se destacado bastante no mercado financeiro. Um dos motivos é que a compra de títulos é muito acessível, não exigindo um grande investimento inicial.

Outro fator positivo é a possibilidade de obter um excelente retorno. Em alguns casos, é possível conseguir um rendimento de até 100%, no período de 5 a 6 anos. Sem dúvida, dobrar o valor aplicado é um atrativo que chama muito a atenção dos investidores.

Os títulos do Tesouro Direto também se destacam pela segurança, porque têm a garantia do Governo Federal. Embora seja um investimento bastante rentável, o ideal é que o estudante faça uma pesquisa para conhecer as várias modalidades dessa aplicação.

Também é recomendado conversar com algum economista de confiança. Ele pode orientar sobre como investir no Tesouro Direito. Para ter sucesso com esse investimento, você pode adotar uma receita bem simples: quanto mais tempo deixar o dinheiro aplicado, maiores serão os rendimentos.

Essa postura ainda contribui para pagar menos impostos. Ou seja, é uma aplicação que deve priorizar o uso do dinheiro em médio ou em longo prazo.

4. Certificado de Depósito Bancário

É possível ser credor de um banco? Você pode até achar estranho, mas é perfeitamente viável. Para isso, basta investir no Certificado de Depósito Bancário (CDB). A aplicação é realizada na instituição financeira e deve ter um valor inicial de R$ 10 mil. A rentabilidade aumenta à medida que o dinheiro fica mais tempo “emprestado”.

A segurança é um aspecto que deixa esse investimento mais atraente. Caso o banco passe por algum problema de gestão, o CDB é protegido até o valor de R$ 250 mil pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Por outro lado, você deve ficar atento à tributação do Imposto de Renda. Quanto menos tempo o dinheiro ficar no CDB, maior será a cobrança da Receita Federal sobre os rendimentos.

Para obter bons resultados, a recomendação é investir, no mínimo, 2 anos nessa aplicação. Ou seja, a meta é conseguir ganhos em médio e longo prazos. Você, por exemplo, pode usar o dinheiro para fazer futuramente um MBA ou um mestrado.

5. Consórcios são alternativas de investimentos para universitários

Será que adquirir um carro é uma iniciativa interessante para um estudante de um curso superior? Com certeza, comprar um automóvel é uma maneira de melhorar a qualidade de vida, porque oferece mais conforto e autonomia. Porém, você deve estar se perguntado como é possível investir para ter um veículo sem comprometer o orçamento.

Uma boa alternativa é optar por um consórcio — formado por um grupo de pessoas que fazem contribuições mensais para adquirir um bem. Um dos participantes é sorteado mensalmente para receber uma carta de crédito, que possibilita comprar o carro pelo valor estipulado no consórcio.

Essa modalidade de investimento também apresenta uma série de características que atraem os investidores. Uma delas é dispensar os inscritos de darem uma entrada para participarem do consórcio.

Outra vantagem é a ausência de juros, o que facilita o planejamento para pagar as parcelas. A segurança é mais um aspecto relevante, pois apenas podem administrar um consórcio as instituições autorizadas pelo Banco Central.

Para os que estão com menos recursos financeiros, é possível participar de consórcios mais longos. Isso faz com que as parcelas tenham um valor menor, diminuindo o risco de inadimplência.

Inegavelmente, há diversas opções de investimentos para universitários. Contudo, é necessário bom senso e cautela para não transformar o sonho de crescer profissionalmente em um grande pesadelo.

Se você quer excelentes dicas para se destacar no mercado de trabalho, curta agora mesmo as nossas páginas no Facebook e no YouTube. Afinal, o conhecimento sempre será um grande diferencial competitivo!

Sobre o autor

Faculdade de Rondônia

Deixar comentário.

Share This