Carreiras Direito

Cursos na área de humanas: conheça 6 cargos com melhor remuneração

cursos-na-area-de-humanas-conheca-6-cargos-com-melhor-remuneracao.jpeg

É um grande engano pensar que somente os formados nos setores de Saúde e Engenharia apresentam salários acima da média. Contudo, para que um profissional consiga se destacar, é necessário muito esforço, talento, especialização e atualização constante.

Qualquer trabalhador deseja ter reconhecimento profissional e ganhar bem. Isso também é possível para os que fizeram cursos na área de Humanas, em que existem cargos com uma remuneração bastante atraente.

Neste post, vamos apresentar 6 cargos ocupados por profissionais com graduação em Humanas com remunerações elevadas. Se deseja unir o útil ao agradável, não deixe de conferir!

1. Gerente de Recursos Humanos

É um profissional que necessita de um amplo conhecimento dos processos de seleção, contratação, treinamento e promoção de empregados. Também precisa ter uma boa comunicação e relação interpessoal com a equipe e os demais funcionários da organização.

As corporações sabem que precisam de um bom gerente de Recursos Humanos, pois é essencial criar estratégias e ações para manter os colaboradores motivados e engajados com as metas organizacionais.

Psicólogos e administradores são os que normalmente ocupam esse cargo. Dependendo da empresa, a remuneração pode ser até superior a R$ 20 mil. Para se formar em Psicologia e em Administração, é necessário estudar, respectivamente, cinco e quatro anos. Os dois cursos são oferecidos por instituições de ensino superior públicas e particulares.

2. Gerente de Relações Públicas

Para superar a concorrência e manter uma boa imagem, algumas empresas buscam construir uma boa relação com diversos segmentos (consumidores, fornecedores, políticos, comunidade, entre outros).

Nesse cenário, é fundamental contar com um gerente de Relações Públicas. Ele é responsável por coordenar projetos e iniciativas para melhorar o relacionamento entre uma empresa e o público-alvo.

A oratória, a escrita, a capacidade de negociação e a facilidade de relacionamento interpessoal estão entre as principais habilidades exigidas para esse profissional. A remuneração pode ser de até R$ 13 mil.

Exercem esse cargo pessoas formadas em Relações Públicas, cujo curso tem duração de quatro anos. A grade curricular contempla disciplinas de Comunicação, como organização de eventos e estudos de mídia. Além disso, tem matérias de Administração, Economia, Marketing e Pesquisas de Opinião Pública.

3. Advogado Sênior

A iniciativa privada oferece ótimos salários para os que se formam em Direito. O Departamento Jurídico está sendo cada vez mais valorizado nas empresas de médio e grande porte. Nelas, o advogado atua com foco em consultoria e na prevenção de eventuais problemas com a Justiça.

Ele também é responsável por defender os interesses da instituição em diversos segmentos como o Trabalhista e o Empresarial, por exemplo. Dependendo do tipo de atividade e da organização, o profissional pode ter um salário de até R$ 50 mil.

Antes de conseguir um destaque na carreira, é necessário fazer faculdade e passar no Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O curso superior de Direito dura cinco anos e exige bastante dedicação, devido ao grande número de disciplinas.

4. Procurador da República

Para os que se formaram em Direito, o setor público proporciona excelentes oportunidades de trabalho. Isso porque os profissionais podem ter estabilidade e uma remuneração acima da média. Um bom exemplo é o cargo de Procurador da República, cujo salário inicial é de R$ 28,9 mil.

As atribuições abrangem a promoção de ações penais e a instauração de inquéritos e de ações públicas. Outra responsabilidade é defender os direitos humanos, sociais e coletivos, além de controlar a atividade policial.

Para chegar a essa função, é preciso se formar em Direito, passar na prova da OAB e ter, no mínimo, três anos de experiência profissional no setor jurídico. Também é necessário passar num concurso público de provas e de títulos, em que a concorrência chega a 200 candidatos por vaga.

5. Diretor de Jornalismo

Ter boa habilidade na comunicação escrita e oral, facilidade de relacionamento interpessoal e capacidade de liderança são alguns dos atributos para chegar ao cargo de diretor de Jornalismo. Dependendo do porte da empresa, o salário pode ser superior a R$ 50 mil.

Fazer especializações e dominar mais de uma língua estrangeira também são requisitos importantes para conseguir um lugar de destaque na profissão. O diretor de Jornalismo é o responsável por verificar o padrão de qualidade na produção de notícias de um veículo de comunicação.

Além disso, ele verifica se os profissionais atuam dentro da linha editorial e do padrão de ética estabelecidos pela organização. Esse cargo é ocupado por jornalistas que precisam fazer um curso superior com duração mínima de quatro anos.

Na graduação, os estudantes têm aulas voltadas para o exercício da profissão e de outros setores do conhecimento, como Sociologia, Antropologia e Português.

6. Organizador de eventos

Planejamento, criatividade, boa comunicação e capacidade de construir um bom relacionamento interpessoal são características vitais para os que pretendem trabalhar com a organização de eventos.

Muitas empresas precisam desse profissional para promover confraternizações e outros eventos que fortaleçam a imagem da organização. Casamentos, apresentação de produtos, comemorações de fim de ano, seminários, coletivas de imprensa, feiras de um setor econômico são ações que podem ser organizadas por profissionais habilitados.

Há diversas empresas especializadas que atuam neste mercado. Um profissional renomado pode receber um salário mensal superior a R$ 10 mil. O domínio de mais de uma língua estrangeira também contribui para uma boa remuneração.

Atualmente, existem cursos de graduação e de tecnólogos em Eventos para os que desejam entrar no mercado. O primeiro tem duração de quatro anos. O segundo, de dois anos e meio.

A grade curricular tem disciplinas nas áreas de Psicologia, Sociologia, Marketing, Produção Cultural, entre outras.

Procure boas oportunidades em cursos na área de Humanas

Não adianta fazer uma graduação apenas por causa do salário. É necessário verificar se possui uma vocação profissional e se ela será capaz de proporcionar a você satisfação e realização profissional. Ao escolher uma carreira em que se identifica e possui habilidades para exercê-la, as chances de sucesso são bem maiores.

Se você tem dúvidas ou experiências relevantes sobre cursos na área de Humanas, deixe o seu comentário. Para nós, a troca de informações é muito importante para adquirir mais conhecimento e fazer com que você tenha sucesso no mercado de trabalho!

Sobre o autor

Faculdade de Rondônia

Deixar comentário.

Share This